Skip to main content

EUA: Investigue e Responsabilize os Autores da Tortura da CIA

(Nova Iorque) - A Human Rights Watch e a American Civil Liberties Union (ACLU) escreveram ao Procurador Geral dos EUA, Eric Holder, pedindo que instaure uma investigação criminal sobre a prática de tortura e de outros graves abusos relacionados ao programa de interrogatórios e detenções da Agência Central de Inteligência (CIA) do Estados Unidos.

Em uma carta enviada a Holder, a Human Rights Watch e a ACLU afirmaram que o sumário do relatório do Comitê de Inteligência do Senado sobre o programa da CIA, publicado em 9 de dezembro de 2014, revelou novas e significativas informações que apontam para o cometimento de crimes federais graves. Uma promotoria especial deveria investigar tais crimes, os quais incluem tortura, conspiração, agressão sexual e homicídio e, se for caso, promover ações penais buscando a responsabilização de seus autores.

"O relatório do Senado sobre as práticas de tortura mostra que funcionários da CIA sabiam que seus métodos eram ilegais e tentaram ao máximo acobertá-los", disse Kenneth Roth, diretor executivo da Human Rights Watch. "Uma investigação completa é necessária para mostrar que a tortura em nome da segurança nacional continua sendo um crime."

Your tax deductible gift can help stop human rights violations and save lives around the world.