Pessoas caminham por uma área danificada após um ataque aéreo em Douma, cidade sitiada controlada por rebeldes, no leste de Ghouta, em Damasco, em 2 de novembro de 2016.